Newsletter
Receber newsletters
Camel Trophy Portugal
por email

Wallpapers



2000 - Tonga/Samoa

Votos de utilizador:  / 1
FracoBom 
Em 2000, o Camel Trophy regressou com um novo estilo de evento. Continuando a explorar o espírito das edições da Mongólia e Tierra del Fuego, os 32 participantes foram levados, desta vez, a explorar Tonga e Samoa, de barco.

O barco utilizado foi o Ribtec 655, feito sob encomenda em Southampton. Equipado com um motor de 130 cavalos de potência e reforçado de diversas formas, cada barco estava avaliado em mais de 40 mil libras.

A encomenda de 60 destes barcos constituiu a maior encomenda de RIBs (Rigid Inflatable Boat) do Reino Unido. A Honda forneceu os 60 motores BF 130 para os barcos, além de 20 jipes CRV, 40 moto-quatro TRX 450 e diversos geradores. Foram, ainda, utilizados Land Rover Defender 110 HCPU (High Capacity Pick Up).

Honda CRVRibtec 655

Todo o equipamento Honda foi enviado de Portsmouth, no Reino Unido, em meados de Abril. Após uma longa viagem de barco, o equipamento chegou a Tonga e estava pronto para ser utilizado no início da competição, a 1 de Julho de 2000.

Os organizadores mostraram flexibilidade e adaptabilidade, quando o destino inicial (Fiji) mergulhou num conflito. Isto obrigou a alterar o final do evento para Samoa, tornando a competição mais dura devido às longas horas de viagem.

Preparação para a partida
O risco de contaminação do combustível era uma realidade, tendo a Honda Austrália fornecido mais de mil filtros de combustível, suficientes para que cada motor dos RIBs tivesse uma mudança de filtro todos os dias.

Os 32 participantes, em representação de 16 países, exploraram as águas, a cultura, as praias, as florestas, as lagoas e as vilas tradicionais das idílicas ilhas do Pacífico Sul, enquanto praticavam diversas actividades aquáticas.

Apesar do evento ter tido sucesso como actividade desportiva, falhou em proporcionar aos patrocinadores a exposição que pretendiam.

Ribtec Camel TrophyRibtec Camel Trophy

No futuro, iriam concentrar-se em moda, não em performance. Segundo os patrocinadores “o Camel Trophy é uma fusão de visão, som, sensação e atitude”.

No entanto, este foi o último evento Camel Trophy a ser realizado.


Resumo da edição
Veículos dos participantes: Ribtec 655

Veículos de apoio: Honda CRV, Land Rover Defender 110 HCPU

Distância percorrida: 1000 milhas náuticas

Equipas:
África do Sul - Wim Van Herzeele / Xavier Scheepers
Alemanha - Hilke Tiedt / Eike Sack
Áustria - Werner Leitner / Philipp Leube
Benelux - Michel Reynders / Sascha Weil
Escandinávia - Lisa Nordlind / Mikael Stening
Espanha - Gaizko Aseguinolaza / Jordi Garriga
França - Jean-Baptiste Calais / Philippe Reviglio
Grécia - Lambros Argyris / Michael Tsaoutos
Ilhas Canárias - Marco Bermudez / Tomy Lopez
Itália - Nicoletta Nutrito / Matteo Poli
Japão - Hajime Kobayashi / Kojiro Shiraishi
Portugal - Nuno Filipe / João Pedro Martins
Reino Unido - Nick Anderson / Rick Freeman
Rússia - Anna Medvedeva / Tatiana Poliakova
Suíça - Judith Koller / Patrick Jeannerat
Turquia - Arif Gurdenli / Serkan Koray




(conteúdo baseado em dados fornecidos por: Camel Trophy Owners Club, Camel Trophy Enthusiasts e Honda UK Media Resource)

Partilhe este artigo: