Newsletter
Receber newsletters
Camel Trophy Portugal
por email

Wallpapers



1992 - Guyana

Votos de utilizador:  / 2
FracoBom 
A edição de 1992 do Camel Trophy prometia ser tão emocionante e apresentar tantos desafios como a edição anterior. No entanto, as condições atmosféricas acabaram por ser diferentes, tornando o terreno mais seco do que era esperado.
Mapa do percurso
Apesar disso, as 16 equipas participantes encontraram outros desafios, como o pó vermelho que se levantava pelo caminho e que encobria grandes buracos, alguns deles do tamanho de um Land Rover. Também as grandes raízes que saíam do terreno macio, sempre presentes, apresentavam dificuldades acrescidas.

A travessia de rios foi constante, à medida que a caravana subia de Manaus, no Brasil, até à Guiana. Para cruzar a fronteira entre os dois países, foi necessário atravessar o Rio Takutu.

Depois da fronteira, a caravana continuou para Norte, através do Rancho Dadenawa, passando pela vila Letham e entrando na savana Rupununni. Daí, seguiram através de Annai até ao Rio Essequibo.

Pouco depois, a jangada entrou em acção, para ajudar as equipas a atravessarem o rápido Rio Potaro.

Restava apenas continuar para Norte, até ao final em Georgetown. Navegação de Land Rover Discovery     Apesar do tempo seco, a lama causou dificuldades

Durante esta edição, e pela primeira vez, os participantes tiveram a oportunidade de se aventurarem sem o recurso aos carros, tendo passado dois dias a caminhar pela selva e a navegar em barcos, desde Kangerooma até às imponentes cataratas Kaieteur.

Para muitos, este foi o ponto alto desta edição, ao introduzir um elemento extra de aventura e ao permitir ver de perto uma das mais espectaculares cataratas do mundo.


Resumo da edição
Veículos dos participantes: Land Rover Discovery 200Tdi (5 portas)

Veículos de apoio: Land Rover Defender 110 200Tdi

Distância percorrida: 1400km em estrada

Equipas:
Alemanha - Markus Kaufmann / Peter Schliessmann
Áustria - Gerhard Urschitz / Gerald Wendlinger
Bélgica - Robrecht de Meyer / Marc Sarens
Espanha - Juan Segui Berga / Jorge Salvador Coderch
E.U.A. - Dan Amon / Jim West (Team Spirit Award)
França - Eric Cassaigne / Patrick Lafabrie (Special Tasks Award)
Grécia - Vassilis Apostolopoulos / Argidis Visvardis
Holanda - Bernard Juffermans / Erik Veldhuizen
Ilhas Canárias - Rafael Lesmes / Pablo Rivero
Itália - Umberto Liuzzo / Luciano Nava
Japão - Kazufumi Obara / Mashahiro Takeuchi
Polónia - Zbigniew Kieras / Wojciech Palczewski
Reino Unido - Gareth Hansford / Tim Postgate
Rússia - Dimitrij Leonidov / Yuri Ovchinnikov
Suíça - Alwin Arnold / Urs Bruggisser (vencedores Camel Trophy)
Turquia - Ali Albayrak / Korkut Serozan




(conteúdo baseado em dados fornecidos por: Camel Trophy Owners Club)

Partilhe este artigo: